Futebol BrasileiroNotícias
Destaque

Museu do Futebol faz 13 anos e recebeu mais de 3 milhões de visitantes

O Museu do Futebol, em São Paulo, completou 13 anos de existência na quarta-feira, dia 29. Instalado embaixo das arquibancadas do Estádio Municipal Paulo Machado de Carvalho, o Pacaembu, o espaço interativo, lúdico e multimídia, reúne objetos, imagens e curiosidades sobre o esporte mais popular do planeta, além de, claro, muitos gols.

Quem ainda conhece o Museu do Futebol não sabe o que está perdendo. Uma visita ao local é obrigatória para quem é apaixonado por futebol. Seja para turistas ou moradores da capital paulista.

A exposição principal de longa duração apresenta um envolvente e emocionante percurso pela história do futebol e sua importância para a formação da identidade brasileira. Ela ocupa 15 salas em uma área com 6 mil metros quadrados. Em cada uma delas o visitante é instigado a experimentar sensações e compreender por que o futebol é um patrimônio nacional e faz parte de nossa cultura.

 PACAEMBU - Foto Gov. Est. SP - Divulgação (1)
PACAEMBU – Foto Gov. Est. SP – Divulgação (1)

Também está em cartaz – até dia 21 de novembro – a exposição temporária “Tempo de Reação – 100 anos do goleiro Barbosa”. A mostra homenageia o ex-goleiro da Seleção Brasileira e do Vasco, Moacyr Barbosa (1921-2000), e os 150 anos da posição de goleiro, oferecendo ao visitante a chance de ver luvas, camisas e defesas históricas dos principais craques da posição.

A visitação ao Museu começa na Grande Área, uma enorme galeria que reproduz objetos que aludem à memória afetiva do futebol, como álbuns de figurinhas, flâmulas, botões, pôsteres e ingressos antigos. E quem dá as boas-vindas – virtualmente, claro – aos visitantes é ninguém menos que o Rei Pelé, o maior jogador de todos os tempos.

MUSEU DO FUTEBOL - Sala-Copas-do-Mundo - Foto Divulgação
MUSEU DO FUTEBOL – Sala-Copas-do-Mundo – Foto Divulgação

Entre as salas mais populares estão a Exaltação, onde imagens e sons das torcidas brasileiras levam o visitante a se sentir na arquibancada; a Origens, que mostra imagens históricas de como o esporte bretão chegou e se popularizou no Brasil; e a Copas do Mundo, com destaque para os cinco campeonatos conquistados pelo Brasil e o contexto histórico de cada uma das edições do Mundial. Em outra área está a história do futebol feminino, contada no áudio-guia Mulheres do Futebol, que tem a narração de Leci Brandão.

Preferido das crianças, o último trecho traz a sala Jogo de Corpo, com brincadeiras do campinho virtual, e o Chute a Gol, onde o visitante pode medir a velocidade de seu chute.

Museu do Futebol
MUSEU DO FUTEBOL – Sala-Origens – Foto Divulgação

Ao término do percurso, o público pode comprar camisas e outros produtos dos principais clubes do mundo na loja Futebol Super Store e tomar um café no Bubu Restaurante, localizado à direita da entrada do Museu. Se for dia de feira na Praça Charles Miller, o visitante pode ainda experimentar a combinação de pastel com caldo de cana em um dos pontos mais famosos da cidade. E não pode ir embora sem tirar uma foto na icônica fachada do Estádio do Pacaembu!

O Museu do Futebol funciona de terça-feira a domingo, das 9h às 17h, com ingressos a R$ 20 (inteira) e R$ 10 (meia), que devem ser adquiridos através do site www.museudofutebol.com.br/ingressos. Às terças, a entrada é gratuita para todos.

Roberto Maia é jornalista, cronista esportivo, editor de revista Qual Viagem e do portal Travelpedia.

Gostou da matéria do Galo sonha com o Brasileirão? Veja também!

Você sabe que são os jogadores mais rápidos do mundo? Olha!

Conheça nosso Guia de apostas para iniciantes.

Você sabe que são os jogadores mais rápidos do mundo? Olha!

Entre no nosso grupo no Telegram, receba Tips e tire dúvidas! Aqui!

Quer colaborar? Entre em contato! 

Conheça os melhores campeonatos de games de futebol que existem aqui!

Etiquetas

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo