LibertadoresMercado da BolaNotíciasResenha
Destaque

Como funciona a compra de jogadores?

Considerando que o futebol é o esporte mais popular do mundo, muitas dúvidas e curiosidades podem surgir aos torcedores e amantes do esporte ao longo dos anos. Um dos temas mais interessantes que se fazem muito presentes é a respeito da compra de jogadores e como é realizado esse processo, de fato, no cotidiano dos atletas. 

Nesse sentido, o exemplo mais utilizado para ilustrar as transações de compra de jogadores na atualidade são os 222 milhões de euros destinados ao jogador brasileiro Neymar pagos pelo clube francês Paris Saint-Germain. Sendo um dos maiores clubes do mundo, o PSG gasta grandes fortunas para conseguir os melhores jogadores. Para melhor entender, acompanhe o presente artigo! 

Ano após ano, os maiores clubes de futebol do mundo disputam os melhores jogadores e, em decorrência disso, as fortunas propostas a esses atletas podem ser direcionadas a diferentes jogadores levando em consideração que a proposta de compra pode ser feita aos jogadores de outros clubes que estarão no auge de sua carreira naquele ano em específico. 

compra de jogadores

Todo ano essa disputa pelos melhores jogadores ocorre pelo fato de que os clubes estão focados em um objetivo bem direcionado que é a mais importante competição, sendo ela a Liga dos Campeões. No entanto, como mencionado anteriormente, a contratação do PSG com o Neymar tem sido o maior exemplo atual quando o tema é explicação de compra de jogadores.

Isso se deve ao fato de que o valor oferecido pelo jogador nunca havia sido pago anteriormente. Ou seja, o brasileiro Neymar bateu o recorde no quesito de compra de jogadores de futebol. O clube pagou 222 milhões de euros, o que resultou em R$ 951,7 milhões. 

Anteriormente, no mundo do futebol, o recorde já visto era o valor de 105 milhões de euros que foi pago ao jogador Paul Pogba. Nesse sentido, nada mais justo do que explicar as transações com o fenômeno do momento e o recordista mundial no quesito compra de jogadores. Entenda abaixo tudo o que é envolvido nesse processo.

compra-de-jogadores

Como funciona a compra de jogadores? 

O futebol é tido como um mercado mundial e, exatamente por essa razão, os principais atletas mudam de time com uma frequência considerável. Com o exemplo de David Beckham, podemos visualizar melhor essa afirmação visto que o jogador já jogou na Espanha, Inglaterra, França, Itália e Estados Unidos da América. 

Normalmente, os esportistas profissionais negociam a contratação com os clubes por períodos de até cinco anos de forma fixa. Entretanto, se o mesmo jogador for contratado por outro clube neste espaço de tempo, o novo clube paga uma multa ou compensação. Esse ato, dentro do mundo do futebol, é conhecido como taxa de transferência. 

Quem está envolvido no processo de contratação? 

Diferente do que muitos pensam, existem uma série de cláusulas, contratos e leis rígidas por trás da compra de um jogador. Por isso, ao longo do processo de contratação, muitas pessoas estão envolvidas, incluindo o jogador em questão, o seu empresário, os advogados que irão discutir o contrato e o clube que o contratará. 

Nessa discussão entre advogados, vale salientar que inclui muitos detalhes, entre eles o salário e os bônus do jogador. E não é tão simples quanto parece, além de toda a burocracia, o atleta também é submetido a uma série de exames médicos para a verificação de sua capacidade e aptidão para os jogos. 

Com os resultados dos exames, o clube conseguirá ter em mãos se o esportista possui algum problema que pode gerar algum problema ao time, por exemplo, resultando em futuras lesões dentre outros tipos de complicações que podem surgir, dificultando a contratação.  

contratação de jogadores

Para onde vai o dinheiro da compra de jogadores? 

Utilizando, novamente, o exemplo do Neymar e sua contratação pelo clube do PSG, podemos verificar que o valor de 222 milhões de euros tiveram diferentes destinatários. Esse valor foi repassado para o Barcelona para que os serviços do brasileiro fossem garantidos no clube francês. 

Além disso, de acordo com o relatório, o pai do jogador, seu agente e demais envolvidos na contratação irão dividir o valor de 38 milhões de euros, resultando em R$ 252 milhões. Esse valor paga os trabalhos dos participantes, principalmente, por terem facilitado toda a transação. 

Afinal, o dinheiro da compra vem de onde? 

Os clubes mais ricos do mundo são todos europeus, mas ainda assim, com toda a sua riqueza e ofertas grandiosas aos jogadores, há dúvidas frequentes sobre de onde sai o dinheiro da compra e é por isso que responderemos de forma rápida e precisa. 

Patrocínios e produtos da própria marca representam 43% do valor das declarações de impostos dos times, sendo a maior porcentagem dos lucros. Além disso, o valor de venda de direitos de transmissão representa 39% e a venda de ingressos 18%. Lembrando que, com a venda de jogadores, os clubes também podem ganhar dinheiro.

Conheça nosso Guia de apostas para iniciantes.

Você sabe que são os jogadores mais rápidos do mundo? Olha!

Entre no nosso grupo no Telegram, receba Tips e tire dúvidas! Aqui!

Quer colaborar? Entre em contato! 

Conheça os melhores campeonatos de games de futebol que existem aqui!

Etiquetas

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo