CorinthiansFutebol Brasileiro
Destaque

Corinthians é contra volta antecipada do futebol no Brasil

Corinthians é contra volta antecipada do futebol no Brasil. Falamos aqui que a CBF planeja a volta do futebol para o final de junho. No entanto, na última terça-feira, dia 26, o Corinthians, através de nota oficial assinada pelo seu presidente Andrés Sanchez, informa ser contra a retomada nesse momento.

Apesar da grave crise financeira vivida pelo clube, Sanchez acredita que o correto seria aguardar um pouco mais para que a retomada possa acontecer naturalmente.

O mandatário corinthiano entende que tudo que envolva o bem-estar e a segurança dos profissionais envolvidos no futebol deve ser feito de forma consciente e não “no calor do momento”.

Corinthians é contra a volta
Andrés Sanchez – foto Roberto Maia

A volta do futebol alemão que serviu de inspiração para CBF também motivou o posicionamento de Andrés Sanchez. Segundo ele, na Alemanha houve diálogo intenso entre todos os envolvidos e um princípio foi claro para a Bundesliga: o futebol não pode se antecipar ao controle da pandemia. “Houve responsabilidade com seu produto, seus astros e seu público. O futebol brasileiro, porém, caminha para outra direção”, disse.

Outro ponto ressaltado pelo presidente corinthiano é a falta de alinhamento entre os governos no combate a covid-19. “Com decisões facultadas aos Estaduais, criam-se ruídos.

O futebol perde muito como produto quando transmite que, para a bola rolar, basta decidir qual clube está mais pronto, ou qual estado está mais disposto a riscos, enquanto se somam mais de mil óbitos por dia.”

A preocupação do Alvinegro procede, visto que na Série A do Brasileirão há clubes de nove estados, sendo que cada um com panoramas distintos no enfrentamento à doença. “Isso pede um trabalho mais coordenado entre governos, clubes e federações. Num esporte coletivo, não dá para jogar sozinho”, pondera.

Ao finalizar, o Corinthians reforça que o retorno precipitado “apenas adiará a próxima pausa forçada, em que os clubes vão, de novo, agonizar”.

Corinthians é contra a volta
Libertadores e Sul-Americana – Foto Conmebol-Divulgação

Libertadores e Sul-Americana podem voltar em setembro

Enquanto no Brasil e nos demais países do continente a volta do futebol continua incerta em meio aos números crescentes da pandemia, a Confederação Sul-Americana de Futebol (Conmebol), através do seu secretário-geral Gonzalo Belloso, acredita que a Copa Libertadores e a Sul-Americana poderão ser retomadas em setembro. Ainformação veio em uma entrevista do dirigente ao TyC Sports da Argentina.

Segundo Belloso, a entidade responsável pelo futebol na América do Sul vem realizando reuniões com todos os governos. “O futebol é uma indústria de tantas que estão sofrendo com a pandemia. O problema mais difícil que enfrentamos é a da migração das equipes e os aeroportos”, disse.

Durante a entrevista ele garantiu que os campeonatos serão decididos em campo, porém, não necessariamente este ano. “Também temos que levar em consideração todos os calendários para que possam jogar os torneios locais em seus países. Trabalhamos paralelamente com os países para ver o que eles planejam”, concluiu.

Só para lembrar, a Libertadores foi paralisada após a segunda rodada da fase de grupos, enquanto a Sul-Americana tinha sua segunda fase marcada para acontecer nos dias 20 e 27 de maio.

Veja o que o MessiIbra e o CR7 estão fazendo!

Faça suas apostas no futebol com bônus que dobra o seu depósito e torça para faturar um bom dinheiro nesse final de semana! Fique de olho no Futeblog que sempre vamos te contar os jogos para apostar!

Roberto Maia é jornalista, cronista esportivo, editor da revista Qual Viagem e do portal Travelpedia.

Etiquetas

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo