Futebol InternacionalNotíciasOpinião
Destaque

O que muda para o Chelsea como campeão da Champions League

Bora conferir as perspectivas do time após o título de sábado?

Pois é, o Chelsea foi campeão da final da Champions League último sábado (29), em Portugal. Mas você já deve saber que o time venceu o Manchester City por 1 a 0 e conquistou o título 2020/21. Agora, bora falar de detalhes importantes do que o jogo que ocorreu no Estádio do Dragão e contou com a presença de público significa para os vencedores.

A torcida vibrou muito com o segundo título do Chelsea na história do campeonato mais importante do mundo entre clubes. Assim, em uma partida super disputada, o gol do jogo foi marcado pelo jovem atacante alemão, Havertz, ainda no primeiro tempo.

Assim, o Chelsea encerra sua heroica campanha com apenas uma derrota, para o Porto, nas quartas de final.

Chelsea Champions
Foto: Pierre-Philippe Marcou

Segundo título da Champions coloca o Chelsea em um grupo seleto

O segundo título da Champions League da sua história faz com que o Chelsea suba de patamar na Europa. Anteriormente, a equipe inglesa estava na lista das dez equipes que conquistaram a taça uma vez. Após o título de sábado, o Chelsea entra para uma lista de cinco equipes que conquistaram duas vezes o tão sonhado campeonato:

  • Chelsea (2011/12; 2020/21);
  • Benfica (1960/61;1961/62);
  • Juventus (1984/85; 1995/96);
  • Porto (1986/87; 2003/04);
  • Nottingham Forest (1978/79; 1979/80).

Chelsea campeão da Champions repete 2012

Apesar da uma história de 116 anos, o Chelsea conquistou sua primeira Champions League apenas em 2012. Naquela ocasião, a equipe era comandada pelo técnico Roberto di Matteo e contava com craques como Drogba, Lampard e Ashley Cole.

O rival da final de 2012 foi o Bayern de Munique. Após 1 a 1 no tempo normal e prorrogação, com Drogba marcando o gol do Chelsea, o título foi decidido nos pênaltis. Assim, nas penalidades, vitória inglesa por 3 a 4.

Com o título, o Chelsea disputou o Mundial de Clubes.  Mas o sonho do mundial parou em uma equipe brasileira. O Chelsea perdeu a final para o Corinthians, que era treinado por Tite na época, por 1 a 0.

Conquista do Chelsea na Champions aumenta lista de títulos

Com mais uma conquista da Champions League, o Chelsea pode se orgulhar como uma das equipes mais vencedoras da Europa. Tirando as potências Barcelona a Real Madrid, por exemplo, o Chelsea não fica atrás de outros gigantes mundiais. Confira os principais títulos da equipe inglesa:

  • Champions League (2 conquistas);
  • Liga Europa (2 conquistas);
  • Campeonato Inglês (6 conquistas);
  • Copa da Inglaterra (8 conquistas);
  • Por fim, a copa da Liga Inglesa (5 conquistas).

Dois alemães que ajudaram a levar o Chelsea ao topo

Em uma conquista tão importante, uma equipe de futebol sempre conta com muitos heróis. Mas a conquista do Chelsea contou com dois personagens emblemáticos. O autor do gol do título, Havertz, e o técnico Thomas Tuchel são alemães e estão pelo primeiro ano no Chelsea.

Havertz é atacante, tem 21 anos e marcou apenas um gol na Champions 2020/21. Porém, foi o gol mais importante do Chelsea no torneio. O time é a segunda equipe da carreira de Havertz como profissional. Natural de Aachen, na Alemanha, o atacante passou quase dez anos no Bayern LeverKussen.

Já o técnico Thomas Tuchel também está fazendo história. Nas últimas três temporadas ele comandou o PSG. E, no ano passado, levou o PSG para a final, mas a equipe perdeu o título para o Bayern de Munique.

Assim, Thomas Tuchel se tornou o primeiro técnico a chegar em duas finais de Champions consecutivas por clubes diferentes. O treinador tem 47 anos e também já comandou o Borussia Dortmund, Mainz e Augsburg, todas as equipes da Alemanha.

Zagueiro Thiago Silva dá a volta por cima novamente

O zagueiro brasileiro Thiago Silva se tornou uma peça importante do técnico Thomas Tuchel no setor defensivo do Chelsea.

O zagueiro novamente deu a volta por cima na carreira. E o destino reservou um palco mais que especial para o jogador conquistar a Europa. Em 2005, Thiago Silva deixou o Juventude e se transferiu para o Porto, de Portugal. Mas ainda em 2005, quando defendia o time B do Porto, Thiago começou se sentir mal.

Ele foi diagnosticado com tuberculose. Foi também em Portugal que ele concluiu o tratamento. Em entrevistas, Thiago ressaltou que a conquista da Champions em Portugal foi simbólica. Ele também disse que o Porto lhe deu todo o tratamento e assistência.


Veja também como o Neymar está envolvido com os e-sports!



Já viu que o Casemiro tem um time de e-sports tbm? Olha!


Veja também, como ganhar dinheiro apostando no Flamengo. 

 

Etiquetas

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo