GamesNotíciasOpiniãoResenha
Destaque

Casemiro e o e-Sports: a grande ligação e o Case Esports

Veja a história de mais um atleta que tem paixão pelo cenário competitivo de games

Hoje é dia de falar da ligação de Casemiro com o e-Sports e seu time Case Esports. Afinal de contas, o mundo do futebol nunca esteve tão ligado ao dos games. E os jogadores de futebol são os principais responsáveis disso. E assim, essa categoria está se popularizando mais a cada dia e o engajamento de jogadores de futebol famosos ajuda nesse processo.

Recentemente, o volante da Seleção Brasileira e do Real Madrid, Casemiro, mostrou todo seu amor ao e-Sports. Só que o atleta foi mais longe e criou sua própria equipe de Counter-Strike: Global Offensive. A Case Esports, como é denominada, foi oficializada no final de outubro do ano passado. A equipe é formada por Denis “dzt”, Felipe “delboNi”, Paulo “land1n”, Vinicius “n1ssim” e Yan “yepz”. Todos estão reunidos na Espanha.

Case Esports
Foto: Divulgação

Case Esports quer destaque no cenário europeu

O anúncio da criação da Case Esports comprovou ainda mais a paixão de Casemiro pelo e-Sports. A equipe já estava treinando antes da oficialização. A sede do time é em Madrid, na Espanha, e o objetivo é competir no cenário europeu.

Sendo assim, Casemiro já afirmou aquilo que sabíamos. A ideia de criar uma equipe surgiu por causa da paixão do jogador pelos jogos online. Dessa forma a Case Esports quer, inicialmente, conquistar fãs e depois ir em busca de títulos. A ideia é ter uma visão a longo prazo, com investimentos que, consequentemente, trarão conquistas.

Investimentos na estrutura da Case Esports

Logo após oficializar a criação da Case Esports, Casemiro mostrou que não está para brincadeira. Pois é, o cara leva o negócio muito a sério. Em novembro, a equipe apresentou seu gaming office, localizado em Madrid. A estrutura foi projetada pela esposa do jogador, Anna Mariana.

Assim, o local conta com uma estrutura de última geração para proporcionar as melhores condições aos jogadores. O espaço tem 90m² e dois andares. Dessa forma, a estrutura pode abrigar cinco jogadores e um técnico.

No primeiro andar, encontra-se o local de treinamento da equipe. A estrutura de ponta inclui cadeiras gamers, monitores de alta frequência e internet de alta velocidade. Além disso, no segundo andar, há uma sala de reunião, com espaço para seis pessoas. Você pode conferir um vídeo do local no Twitter oficial da equipe.

Case Esports
Imagem do Twitter da Case Esports

Casemiro segue os passos de outros jogadores

A “febre” do eSports está atraindo cada vez mais um número maior de jogadores de futebol para o mundo dos games. Casemiro já indicava que investiria na modalidade. Assim, quase um mês antes de oficializar a criação da Case Esports, vários sites esportivos noticiavam que Casemiro estava investindo em uma equipe.

Na ocasião, os jogadores de CS:GO estavam treinando em Belgrado, na Sérvia. Assim, o local havia sido escolhido por causa da facilidade da entrada no país durante a pandemia. Todos os custos eram bancados por Casemiro que, na época, confirmou o investimento e que mais informações seriam divulgadas em breve. Além disso no mundo todo, vários jogadores ou ex-jogadores de futebol fazem investimentos e são donos de times de eSports:

  • David Beckham (equipe Guild Esports);
  • Sergio Aguero (equipe KRÜ);
  • Daniel Alves (equipe Good Crazy);
  • Özil (equipe M10 Team);
  • Lucas Paquetá (equipe Paquetá Esports);
  • João Pedro e Kaique Rocha (equipe Team Vikings);
  • Griezmann (equipe Grizi Esports);
  • Douglas Costa (equipe DC Team).

 

Etiquetas

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo