CampeonatoCopa do BrasilOpiniãoPalpites
Destaque

Quais jogadores podem desequilibrar na final da Copa do Brasil?

Atlético-MG x Athletico promete ser super equilibrado e surpreender os torcedores.

A final da Copa do Brasil está definida! E teve surpresa. De um lado, o Atlético-MG confirmou a vaga e, sem grandes dificuldades, eliminou o Fortaleza que, pela primeira vez, chegou à semifinal.

Mas na outra chave, o Athletico eliminou o favorito Flamengo (finalista da Libertadores) com uma vitória incontestável, por 3 a 0, no Maracanã. Assim, Atlético-MG e Athlético fazem uma final inédita e que promete muito equilíbrio nos dois jogos.

Então, essa final deverá ser decidida nos detalhes e nos talentos individuais de Atlético-MG e Athletico. Dessa forma, fizemos um Raio-X com os principais destaques dessas equipes e quem pode fazer a diferença na final da Copa do Brasil.

final da Copa do Brasil

Elenco milionário do Atlético-MG na final da Copa do Brasil

O elenco do Galo vale em torno de 500 milhões de reais e é um dos mais valiosos do Brasil. Por isso, a equipe mineira tem mais jogadores que podem desequilibrar em uma final. Aliás, já falamos aqui sobre isso no artigo “Por que vencer o Atlético-MG está difícil? O time a ser batido atualmente no Brasil”.

Bom, o elenco do Galo aplicou, no agregado, 6 a 1 no Fortaleza, que briga pelas primeiras colocações no Brasileirão. Assim, entre os jogadores que podem desequilibrar na final, estão:

  • Hulk: o “Incrível Hulk” á o atual artilheiro da Copa do Brasil, com 6 gols. Lembrando que o Galo entrou no torneio a partir da 3° fase. O paraibano de 35 anos é o grande destaque do clube, sendo o artilheiro e rei das assistências. Na semifinal, marcou 2 gols;
  • Diego Costa: o atacante de 33 anos chegou em agosto ao Galo com o status de uma contratação milionário e impactante. E ele está correspondendo dentro de campo. Na sua apresentação, Diego Costa frisou que o Atlético-MG é “o time a ser batido”;
  • Nacho Fernández: o meia argentino de 31 anos é um dos atletas mais caros do Atlético-MG. Além disso, ele está acostumado com mata-mata. No currículo, conquistou 3 Copas da Argentina, 1 Supercopa Argentina, 1 Libertadores e 2 Recopas Sul-Americanas.

A coletividade do Athletico para essa final

O Athletico chegou à final da Copa do Brasil por conta do jogo coletivo, mas também está apresentando destaques individuais. Entre os principais, estão:

  • Nikão: principal jogador ofensivo da equipe paranaense. Marcou dois gols no Flamengo em pleno Maracanã. Com 29 anos, o atacante vive o melhor momento da carreira. Após várias temporadas abaixo e com diversos problemas pessoais, Nikão encontrou o bom futebol no Athletico e está fazendo a diferença. Inclusive, ele já é especulado pelos 4 grandes de São Paulo e deve deixar o Athletico ao final da temporada;
  • Renato Kayzer: centroavante de 25 anos, é o homem-gol do Athletico. Caracterizado pela imposição física e raça, ele é o jogador certo para jogos eliminatórios. Seu ponto forte é a jogada aérea, que está decidindo muitos jogos ultimamente;
  • Pedro Rocha: por fim está o atacante de 27 anos que já passou por clubes como Flamengo, Grêmio e Cruzeiro, Pedro Rocha está emprestado pelo Spartak Moskva, da Rússia. O atleta fez uma grande partida contra o Flamengo, dando assistência para o terceiro gol, e chega com moral para a final.

Afinal, quem leva a final da Copa do Brasil 2021?

Pergunta difícil não é mesmo? Isso deixamos mais para a frente, pois os dois jogos da final ocorrem apenas em dezembro.

Pelo momento atual, o Atlético-MG pode ter um leve favoritismo, pelo elenco e campanha que vem fazendo no Brasileirão. Porém, o Athletico tem e disputa a final da Sul-Americana, em novembro, contra o Bragantino. Ou seja, até dezembro muita coisa pode acontecer.

Ganhe $ nessa final com Bônus! Aqui ó!

Etiquetas

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Eu Aceito a Política de Privacidade

Botão Voltar ao topo