Futebol FemininoNotíciasOpinião
Destaque

Zagueira Érika do Corinthians participa de sua 3ª olimpíada

Mais um reforço de peso está chegando para buscar o ouro em Tóquio

A zagueira Érika Cristiano dos Santos também foi para as olimpíadas. Ela tem 33 anos e está na lista de convocadas pela técnia Pia Sundhage. A experiente jogadora terá outras 4 companheiras de Corinthians vestindo a amarelinha do Futebol Feminino.

Assim, a atleta espera que o trabalho em equipe faça a diferença na busca pelo inédito Ouro Olímpico. Vamos conhecer um pouco mais sobre a Érika, que joga pelo Corinthians desde 2018.

Érika olimpíadas
CBF – Créditos: Rafael Ribeiro

Início da carreira da zagueira Érika no Santos

Érika nasceu em São Paulo e começou sua carreira no Santos. Ela é polivalente e, durante a carreira, já atuou como atacante, volante e meia. Mas nos últimos anos, atua como zagueira.

Na equipe santista, a atleta atuou até 2009 e encerrou sua longa passagem pelo Santos com um título da Libertadores Feminina. Naquela competição, marcou 6 gols no total, sendo 2 na grande final. Mas é claro que, nessa época, para Érika ir as olimpíadas ainda era algo distante.

Em 2009, Érika se transferiu para o FC Gold Pride, dos Estados Unidos. Passou ainda pelo futebol do Japão e retornou ao Brasil em 2010, para defender o Foz Cataratas do Paraná. Em 2011, retornou para o Santos.

Chegada ao Corinthians após passagem pelo PSG

Érika atuou por quase 3 temporadas no PSG e, em 2018, chegou ao Corinthians, seu clube atual. No Corinthians, atuando como zagueira, ela sempre marcou gols, se destacando pela qualidade defensiva e ofensiva.

Em 2019, pelo Corinthians, foi Campeã Paulista e da Libertadores, além de ficar com o vice-campeonato Brasileiro. Por fim, em 2020, foi Campeã Paulista e Brasileira e renovou o contrato com o Timão para 2021.

Créditos: Rodrigo Coca / Corinthians

Títulos conquistados pela zagueira Érika (moral para as olimpíadas)

A zagueira acumula muitos títulos ao longo da carreira, pelos clubes e pela Seleção Brasileira. Confira os principais:

  • Copa Libertadores: 2009 (Santos) e 2019 (Corinthians);
  • Copa da França: 2017/18 (PSG);
  • Campeonato Brasileiro: 2018 e 2020 (Corinthians);
  • Copa do Brasil: 2008 e 2009 (Santos);
  • Campeonato Paulista: 2007 (Santos), 2019 e 2020 (Corinthians);
  • Além disso, ela ganhou o campeonato Sul-Americano Sub-20 em 2006 e 2009;
  • Por fim, a Copa América em 2010 e 2018.

Érika na Seleção Brasileira

Na Seleção Brasileira, Érika já tem uma boa estrada. Sua primeira convocação foi para categorias de base da Seleção. Em 2004, a primeira convocação, para integrar a Seleção Sub-20, que disputou a Copa do Mundo da categoria. Ela tinha apenas 16 anos. Em 2006 veio a primeira convocação para a Seleção principal.

No ano de 2008, disputou mais uma Copa do Mundo Sub-20, no Chile. E, em 2011, como zagueira, ela jogou a Copa do Mundo na Alemanha com a Seleção principal.

Em 2013 ela sofreu com uma grave lesão e ficou parada por quase um ano. Já em 2015, mais uma lesão impediu que ela disputasse a Copa do Mundo daquele ano. Por fim, em 2018, voltou para a Seleção, conquistando a Copa América. A partir daí, voltou a ser convocada com frequência, principalmente pelas suas boas atuações e conquistas pelo Corinthians.

Aposte na seleção e na Érika!

Érika já disputou duas Olimpíadas

Nas Olimpíadas, Érika esteve presente em Pequim, 2008 e Londres, 2012. Em Pequim, o Brasil ficou a medalha de Prata, após perder a final para os Estados Unidos. Mas a derrota foi por 1 a 0 e o gol das americanas saiu apenas na prorrogação.

Em Londres, 2012, o Brasil fez uma campanha muito abaixo do esperado, caindo nas quartas de finais, após derrota por 2 a 0 para o Japão. Mas agora, em Tóquio, Érika tem a missão de ajudar a Seleção na busca pelo Ouro.

Etiquetas

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo