NotíciasCruzeiroFutebol BrasileiroMercado da BolaResenha

Fábio fora do Cruzeiro. O primeiro erro do Fenômeno

Goleiro estava há 16 anos no time e decisão revoltou torcedores!

Fábio fora do Cruzeiro. O goleiro e ídolo está de saída do Cruzeiro após 16 temporadas. O encerramento do contrato pegou todo mundo de surpresa e está gerando revolta dos torcedores. Mas o tema é complexo e reviravoltas podem acontecer nos próximos dias.

Fábio fora do Cruzeiro
Foto: Divulgação/CBF

O fato é que o Cruzeiro passa atualmente por grande reformulação financeira e o atleta tinha um dos maiores salários do elenco. Mesmo assim, torcida e imprensa avaliam que o ídolo cruzeirense merecia uma despedida à altura.

Será que a saída do cara foi o primeiro erro de Ronaldo à frente do time mineiro? Saiba como se deu o encerramento do vínculo e a repercussão do fato no mundo do futebol.

Fábio fora do Cruzeiro, saída foi anunciada pelo próprio jogador

O jogador estava a apenas 24 jogos de atingir a marca de 1000 partidas disputadas com a camisa do Cruzeiro. No final de 2021, ele chegou a renovar o contrato, mas a decisão foi reanalisada pela equipe de Ronaldo Fenômeno, novo gestor do clube.

Por meio das suas redes sociais, o goleiro anunciou que não era mais jogador do Cruzeiro. Em um longo texto, ele ressaltou que a renovação foi feita em novembro do ano passado, pelo então presidente Sérgio Rodrigues. Mas ainda faltavam as assinaturas da documentação, segundo o próprio jogador.

Ele destacou que aceitaria reduzir o salário. Por fim, ele disse estar com o coração partido e que sempre esteve pronto para ajudar o Cruzeiro.

Fábio fora do Cruzeiro – A versão do Cruzeiro

O clube mineiro também se manifestou e deu sua versão dos fatos. Por meio de uma nota, o Cruzeiro disse que tentou fazer um grande sacrifício para manter o goleiro até o fim do Campeonato Mineiro. Assim, o arqueiro de 41 anos poderia se despedir da torcida.

Porém, segundo o clube, o jogador e seu agente não aceitaram a proposta. A nota ainda fala em “responsabilidade econômica da entidade” como o principal motivo para a dispensa do jogador. A nota ainda diz que o Cruzeiro tratou o jogador com total respeito durante esse processo.

Repercussão e protestos pela saída do atleta do Cruzeiro

A saída do goleiro pegou mal no mundo da bola. A torcida cruzeirense ficou enfurecida com a atitude de Ronaldo. Nas redes sociais, o assunto ficou por horas como um dos mais comentados no Twitter. Mas a revolta não ficou apenas nas redes. Um grupo de torcedores realizou protestos em frente à Toca da Raposa, o Centro de Treinamentos do Cruzeiro. E os ânimos não devem se acalmar tão cedo.

Fábio fora do Cruzeiro. Dívida pode ter sido o motivo da saída

O Cruzeiro tem uma grande dívida com o goleiro. Segundo a imprensa mineira, essa dívida está em torno de R$10 milhões. Assim, mesmo com uma redução salarial, a permanência do atleta seria inviável. Isso porque o Cruzeiro tentou postergar o pagamento da dívida, o que criou um impasse com o atleta.

Essa dívida é resultado de pendências que vem desde 2019. Quando caiu para a Série B, o jogador, que tinha o segundo maior salário do clube, aceitou a redução salarial. O valor de seu salário caiu praticamente pela metade, de R$350 mil para algo em torno de R$150 mil. Mas o Cruzeiro ficou de pagar a diferença no ano seguinte (2021), quando acreditava que estaria de volta à Série A. O plano não deu certo e o Cruzeiro não conseguiu o acesso, ficou na Série B e com uma grande dívida com o jogador.

Claro que Ronaldo não foi o responsável por essas loucuras financeiras que o Cruzeiro fez nos últimos anos. Mas, mesmo assim, será que o Fenômeno agiu certo em não renovar com o atleta? O jeito que foi feito pode ser o primeiro grande erro do grupo do Fenêmeno à frente do clube.

Aposte no Cruzeiro de Ronaldo nesse ano e com bônus, aqui ó!

Etiquetas

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Eu Aceito a Política de Privacidade

Botão Voltar ao topo