GamesNotícias

Santos HotForex e-Sports – um dos representantes mais fortes no e-sports no Brasil

Veja como o peixe se sai também no mundo do e-sports

Fundado em 2015, o Santos HotForex e-Sports pode ser considerado um dos principais times dessa modalidade esportiva no Brasil.

Somente no ano passado, a equipe esteve presente nos quatro principais campeonatos do país. Assim, os caras levaram o CBCS (Campeonato Brasileiro de Counter-Strike), CBLoL (Campeonato Brasileiro de League of Legends), o BR6A (Campeonato Brasileiro de Rainbow Six) e a LBFF (Liga Brasileira de Free Fire).

É mole? Hoje vamos conferir um pouco da trajetória e principais atuações do Peixe no e-sports.

Santos HotForex e-Sports no League of Legends

Em 2020, o clube realizou uma boa campanha que culminou no título do circuito desafiante – conhecido como uma espécie de “série B” do Lol nacional. Assim, o Santos disputou a elite do e-sports pela primeira vez. Embora o time não tenha obtido a conquista desejada, a campanha garantiu bons resultados. Assim, os caras mantém a chance de ir às eliminatórias até a última rodada.

Mesmo com a campanha inédita, o clube foi deixado de fora pela Riot Games da seleção para o brasileiro deste ano. Mas é claro que a direção do Peixe protestou e afirmou que vai continuar disputando posições importantes no e-sports.

Santos HotForex e-Sports no Counter-Strike

O Santos vem buscando contratações para obter melhores colocações nas competições internacionais de CS. Assim só no ano passado, foram chamados para integrar a equipe os jogadores Cássio “cass1n”, Enzo “xns”, Marcello “MaLLby”, Ruan “keizz e Samuel “voltera”. Nesse ano, o time chegou às quartas-de-final do maior torneio multiplataforma de esports da América Latina, a WESG LATAM.

Campeonato Brasileiro de Rainbow Six

O time do Santos atualmente disputa o Brasileirão de Rainbow Six Siege conta com grandes nomes do e-sports. Uma das contratações mais recentes é Wagner “wag” Alfaro, que teve passagens por grandes times como Black Dragons e NiP. Além disso, o Peixe também tem no elenco conhecidos nomes como Wagner “wag” Alfaro, Dyjair “Mity” Soares, Luiz “SKaDinha” Salgado, Pedro “CypriSs” Araújo e o técnico Bruno Rovid.

Atuação no Free Fire

Apesar de uma campanha que resultou na primeira colocação da fase de pontos da quarta edição da Liga Brasileira de Free Fire, o Santos não conseguiu atingir as altas expectativas. O time encerrou a campanha apenas no sétimo lugar  depois de grande com o bônus de líder à grande final da competição. 

Mas teve o RVP da competição, Ruan. O integrante do Peixe conseguiu acumular cento e onze abates ao longo de oitenta e uma quedas na competição nacional do battle royale, vencida pela equipe Fluxo.

Ruan é um dos remanescentes do time do ano passado que disputou a mesma competição. Nessa formação também faz parte Matheus “Lobato” e as promessas Gabriel “FON”, Murilo “Rush”, Gusz e PH. Esse elenco, aliás, teve a menor média de idade da Liga Brasileira de Free Fire até o momento.

O jogador também fez parte da seleção escolhida da competição (que foi escolhida por votação dos próprios jogadores e técnicos da LBFF Série A). Além de Ruan, o time ideal do ano seria composto por Syaz (Fluxo), Cauan (LOUD) e MEMGOD (FURIA). O técnico escolhido foi o K9 (Fluxo), que foi eleito pela segunda vez consecutiva para posto do time dos sonhos de Free Fire brasileiro.

Como você pode ver, o Santos HotForex e-Sports também representa super bem o peixe fora do campo. Assim, a expectativa em cima da equipe são grandes.

Etiquetas

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo